“EDP – Musicas no Rio” – Mora

Por em 20 de Junho de 2013

Os outros sons do Fluviário” tem como cabeças de cartaz a fadista Ana Moura e o Quinteto Lisboa, grupo de João Gil e João Monge.

O evento promove anualmente um ciclo de concertos de música portuguesa que, em dois fins-de-semana de Julho, vão animar Mora, tornando-a, aos poucos, uma referência dos Festivais de Verão.

Sinfonietta de Lisboa, juntamente com o Coro Ricercare (sexta 12 Julho); Danças Ocultas (sábado 13 Julho); Ana Moura (sexta 19 Julho); e Quinteto Lisboa (sábado 20 Julho) são os nomes de cartaz que vão actuar num palco colocado em pleno rio Raia, em frente à praia fluvial do Parque Ecológico do Gameiro, junto ao Fluviário de Mora.

Ana Moura irá interpretar músicas do seu 5º álbum de originais, Desfado, no qual apostou em nomes da nova geração de compositores nacionais como Manel Cruz (Ornatos Violeta), Márcia, Pedro da Silva Martins (Deolinda), Miguel Araújo (Azeitonas), Luísa Sobral e António Zambujo e em nomes consagrados da música portuguesa como Aldina Duarte, Tozé Brito, Manuela de Freitas e Pedro Abrunhosa para a criação dos temas.

Quinteto Lisboa estreou-se em Setembro do ano passado na Culturgest, em Lisboa e integra, além de João Gil e João Monge, José Peixoto (guitarrista) e Fernando Júdice (baixista), com as vozes convidadas de Helder Moutinho e Maria Berasarte.

O Festival “Músicas no Rio” acontece num cenário idílico, onde a água e os sons da natureza são factores diferenciadores, juntamente com música portuguesa de qualidade e diversificada. O evento pretende oferecer momentos de pura tranquilidade num contexto cultural, paisagístico e inovador, como é o espaço envolvente ao Fluviário de Mora.

Numa organização da edilidade local, o evento integra quatro temáticas diferentes – fado, jazz, clássico e música popular de qualidade – apostando numa oferta de prestígio e cuja programação não atraia um público massivo, mas criterioso.

A organização desta iniciativa pretende tornar Mora ainda mais referência no campo cultural e turístico, possibilitando uma oportunidade “inesquecível” de visitar o concelho e região mais a noroeste do Alentejo.

 

 

Sobre Redacção Registo

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.