UM PICASSO

Por em 19 de Maio de 2015

O Cendrev acolhe a Companhia de Teatro de Braga no âmbito da programação do Circuito Ibérico de Artes Cénicas e da rede das companhias da descentralização. Este circuito consiste na organização de uma rede de circulação de espectáculos entre nove estruturas artísticas portuguesas e espanholas.

Este espectáculo integra ainda a rede das companhias da descentralização (A Escola da Noite, Teatro do Montemuro, Teatro das Beiras, A Companhia de Teatro de Braga, a ACTA – A Companhia de Teatro do Algarve e Cendrev).

Paris ocupada pelos alemães. A Gestapo “quer” uma obra de Picasso para uma “vernissage”. Picasso, é levado para um bunker, onde conhece uma atraente loura que está ali em missão secreta: obter a autenticação de Picasso em, pelo menos, um de três auto-retratos do artista. Pretende incluir Picasso numa vernissage com obras de Klee, Miró e Leger. Depois de uma apaixonante esgrima verbal entre o artista e a agente, Picasso acaba por assumir os três desenhos, de diferentes períodos da sua vida. Feliz pela missão cumprida e pelo desenrolar da relação entre eles, Fraulein Ficher convida Picasso a sair dali com ela e o pintor indaga onde e quando ocorrerá a exposição? Pela resposta evasiva percebe que se trata afinal de uma manifestação nazi onde se queimarão obras de “arte degenerada”. A reacção de Picasso é violenta, passando a negar a autenticidade dos desenhos, com a agente a exigir uma justificação mais plausível. Picasso satisfaz com argumentos a exigência e deixa a loura sem o objectivo final da sua visita: uma obra autenticada. Depois de mais uma luta verbal intensa e estimulante, o artista começa a desenhar a própria Fraulein, continuando o jogo de sedução entre eles. Picasso acaba por destruir o retrato e tenta violá-la. Na luta, ela cospe-lhe no rosto e ele volta ao desenho para tentar captar a raiva da mulher, incentivando-a a despir-se…

Companhia de Teatro de Braga
Sexta e sábado, dias 22 e 23 de Maio – Teatro Garcia de Resende

Duração: 80 min. – M/14

Sobre Redacção Registo

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.