AHRESP contra greve anunciada na TAP

Por em 13 de Março de 2013

A AHRESP apela à ponderação e bom senso de todos os profissionais do setor da aviação, perante a convocatória de uma greve pensada estrategicamente para o início da época pascal, uma decisão imprudente e indiferente ao facto de este setor de atividade se encontrar à beira da asfixia financeira, piorando ainda mais a economia do País.

Sabemos que o direito à greve está consagrado constitucionalmente; mas também sabemos que esse direito deve ser acionado de forma responsável, à luz do bom senso e do interesse nacional, assegurando que as intenções de uma minoria não coloquem em causa os valores da maioria e até da sobrevivência do País.

É neste quadro de perigo iminente para o futuro do setor do Turismo que a AHRESP apela para que, com a maior brevidade, seja desconvocada a anunciada greve, associando-se ao esforço que a esmagadora maioria dos portugueses está a realizar para conseguir salvar a economia do País e recuperar a sua credibilidade externa.

Lamentamos que Portugal seja notícia em todo o mundo pelos piores motivos, salientando que a imprevisibilidade dos seus transportes já conduziu ao cancelamento de milhares de oportunidades de negócio e à perda irreversível de milhões de euros, destruindo ainda o valor de um destino turístico qualificado como é o nosso País.

A AHRESP – A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal representa, desde 1896, as empresas e os empresários do setor defendendo os seus direitos e legítimos interesses, através de uma rede de 12 delegações – Açores, Alentejo, Algarve, Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Lisboa, Mafra, Porto, Ribatejo, Setúbal e Viseu, tornando a AHRESP na maior Associação Empresarial do país, ao representar além do setor da Restauração e Bebidas, o setor do Alojamento, nomeadamente ao nível da Hotelaria, do Turismo em Espaço Rural, dos Empreendimentos do Turismo de Habitação e do Alojamento Local.

 

Sobre Redacção Registo

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.