António Leitão

Por em 7 de Dezembro de 2017
DR
António Leitão candidata-se à Misericórdia de Évora
No próximo dia 11, segunda-feira decorrem eleições para os órgãos sociais da Santa Casa da Misericórdia de Évora.

António Lencastre Leitão encabeça um dos projectos candidatos referindo que pertence a um conjunto alargado de irmãos decididos a defender os valores  humanistas de inspiração cristã, ao serviço das Obras da Misericórdia, através de uma gestão diferente, concertada em equipa e com permanente informação e comunicação entre todos os Irmãos.
No seu manifesto eleitoral, António Leitão, médico de profissão, considera que “é chegado o tempo de sermos mais inclusivos, solidários, mas simultaneamente, com maior capacidade de estar atentos aos sinais dos tempos para apoiar mais e gerir melhor” referiu o candidato que encabeça a lista B.
O candidato elege como prioridades do seu mandato a maior abertura da SCME à comunidade, criando uma rede de empresas solidárias e valorização do papel dos voluntários, incentivando, ainda a participação efectiva dos Irmãos no acesso aos benefícios e melhoria dos encaminhamentos actuais em certas valências, considerando “prioritário e fundamental o alargamento do Serviço de Apoio Domiciliário a cuidados paliativos e de fim de vida e implementar o tele apoio, bem como promover a humanização e qualificação dos serviços prestados”, entre outros.
Num quarto pilar do seu programa, António Leitão não deixa de ter um olhar atento sobre os recursos internos, nomeadamente quanto à implementação de uma maior cultura de rigor e justiça para todos os funcionários, que têm, diz o candidato, “um peso salarial no orçamento anual da Santa Casa, de cerca de 2 milhões/ano”. “Temos de perceber bem como se gastam mais 8 milhões/ano, para os podermos usar melhor”. 
O quinto pilar que Leitão refere tem a ver com desafios que se colocam à Santa Casa no futuro, em especial o desenvolvimento do Hospital da Misericórdia quando está anunciada a construção do novo Hospital Regional de Évora, “até pela incerteza que há, actualmente, naquele que vier a ser o seu modelo de gestão”, concluiu o candidato.

LISTA DE IRMÃOS – ENCABEÇADA POR ANTÓNIO DE LENCASTRE LEITÃO

 

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL

Presidente – Miguel Maria Amado de Sousa Cabral

Vice-Presidente – Joaquim Manuel Pantoja Nazareth

Secretário – António Maria do Carmo de Noronha Lopes

Suplente – Manuel Pedro Pereira Guerra

Suplente – Maria Luísa Fonseca Potes Marques Carneiro

 

MESA ADMINISTRATIVA

Provedor – António de Lencastre Leitão

Vogal – Ana Angélica Cordovil Nobre Isaías Maia Costa

Vogal – António Albino de Paiva Cruz de Carvalho

Vogal – Armando José da Silva Marques

Vogal – Branca Marques Matos Casquinha

Vogal – Carlos Maria Homem Valadares

Vogal – Francisco José Gouveia Alves Pimenta

Vogal – Maria Carmo Caldeira Castel-Branco Cordovil

Vogal – Maria Cristina Calhau Queiroga

Suplente – João Chamiço Porfírio

Suplente – João Eduardo Morais Gomes Rabaça

Suplente – José Diogo Caeiro Mósca

Suplente – Luís Carlos da Silva Bruno

Suplente – Nuno Maria de Paula Soares Pinheiro de Almeida

 

CONSELHO FISCAL

Presidente – Maria Raquel David Pereira Ventura Lucas

Vice-Presidente – Pedro Manuel Froes David

Secretário – Carlos Rui Marques dos Santos

Suplente – Francisco Nuno Ferreira Neves da Costa

Suplente – Marinela Rodrigues Lúcio Tavares Festas

 

Sobre Redacção Registo

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.